Não há obstáculos para Omar McLeod

Omar McLeod vai em busca da primeira medalha olímpica dos 110 metros com obstáculos para a Jamaica
Omar McLeod vai em busca da primeira medalha olímpica dos 110 metros com obstáculos para a Jamaica

O atleta se classificou para os jogos olímpicos a primeira vez depois de ganhar a corrida dos 110 metros com obstáculos no terceiro dia dos Jogos Nacionais da Jamaica. Aos 22 anos, McLeod marcou 13.01 segundos, o que o coloca como o dono absoluto dos cinco tempos mais rápidos do mundo – deste ano – podendo inclusive, baixar o tempo para menos de 13 segundos, o que o tornaria o primeiro a realizar esta façanha em toda a história do esporte. Ele também já manifestou sua vontade de correr ainda mais rápido nos Jogos do Rio, no próximo mês de agosto, para se tornar o primeiro jamaicano a levar para a ilha uma medalha de ouro nesta categoria tão difícil.

“Agora sei em que posição estou no que diz respeito ao meu momento de entretenimento, sem pressão, sem que o cronometro me atormente. Estou trabalhando duro na última parte da corrida e me sinto muito forte” comentou McLeod para a agência de notícias Reuters. “No ano passado, eu passei mal no Mundial de Pequim, por pedir ao meu corpo e sobretudo às minhas pernas, o impossível, porém este ano, desenvolvemos uma estratégia muito mais inteligente.”

E voltando à pista jamaicana, o recordista deixou para trás Deuce Carter, que ocupou o segundo lugar e também se classificou. Apesar de ter conquistado o terceiro lugar, Andrew Riley poderia perder a viagem ao Rio, pois não alcançou o recorde classificatório.

Agregar Comentário